Mudamos a imagem do blog para homenagear este gesto histórico entre uma manifestante e um policial da Policia Militar.

O Judiciário (MPF), as ongs CIMI (Conselho Indigenista Missionário) e Survival International, o Conselho Mundial de Igrejas (CMI) e demais picaretas se uniram para praticarem a picaretagem indigenista. O povo do Vale do Araguaia e os guerreiros do Posto da Mata (Suiá Missu) se uniram para defenderem o Brasil. Um herói, vestido de maneira simples, e desarmado, avança contra vários soldados federais pesadamente armados. Seu heroísmo marcou a ação da picaretagem indigenista: um homem só, trabalhador, enfrentando o maior aparato militar já montado neste país pelos picaretas do judiciário, CIMI, CMI e Survival international. É por este motivo que seu ato é retratado no logo deste site: um homem, só, enfrentando a canalhice indigenista de norte americanos, brasileiros (indigenistas sem carater, vendidos à estratégia das grandes potencias), ingleses, noruegueses, alemâes, canadenses, italianos e etc. Um homem só enfrentando a canalhice deste mundo. Esta é a tônica deste site: um homem só enfrentando o mundo. Esta luta não é para muitos, é para os poucos que não foram contaminados pelo politicamente correto, que não tiveram seus valores relativizados pelo gramscismo que impera em toda a sociedade brasileira.

Você se pergunta porque os povos do mundo estâo em guerra em busca de seus direitos. Povos, raças, grupos de todos os matizes, todos estâo lutando com unhas e dentes por seus direitos. Em 1964 um ministro norte americano, William Branham, chegou a uma conclusâo, na qual o Resistencia Suiá Missu concorda: as cartas em apocalipse (2-3) às Igrejas da Ásia eram proféticas e se referiam a períodos de tempo pelo qual a igreja passaria e segundo o ministro, a ultima carta, a de Laodicéia, representaria esta era moderna na qual vivemos. Até o nome se encaixa na luta dos povos por direitos: Laodicéia - Direito dos Povos. Quando vocês veem o povo nas ruas, manifestando-se, lembre-se - estamos vivendo a ultima era da igreja: Era de Laodiceia, que significa a Era dos Direitos dos Povos

Arquivo do blog

Resistencia Suiá Missú

domingo, 23 de junho de 2013

Imagens históricas: isto só se vê acontecer em nosso país

Muito se fala nas manifestaçôes da Primavera Arabe, relacionando-as com o que acontece no Brasil. Uma comparação falsa. Primeiro, a "Primavera Arabe", logo de inicio, produziu montanhas de cadaveres, tanto de manifestantes, quanto de policiais. No Brasil, manifestaçôes que sobrepujam em numero o que se viu no Oriente, produziu violencia sim, mas pelo profissionalismo das forças  de segurança (Policia Militar) e pela indole pacifista do brasileiro, não se viu a bárbarie que acompanhamos pelo mundo.

Só um adendo sobre este assunto: na cidade de Anapolis, Goiás, manifestantes e policiais dançaram abraçados, durante manifestaçôes pacíficas.

Por causa deste fato, selecionei algumas imagens para mostrar por quê tenho orgulho do povo brasileiro, capazes de produzir cenas únicas no mundo:
Manifestantes oram por policiais: não sei se é recente, mas exemplifica bem o espirito do povo brasileiro
Mais uma vez repito esta foto. É emblemática, pois em nenhum lugar do mundo se vê cenas como esta. Um policial faz reverencia ao gesto da manifestante
 
Policiais de Teófilo Otoni-MG recepcionam manifestantes com banda de música

Policiais de Goiàs recepcionam manifestantes pacíficos com flores

Comandante da PM de Nitério é aplaudido por manifestantes

Manifestantes e policiais se abraçam em algum lugar do país. 


Pacifistas? Estudante Hilbert da Silva, de barba, durante agressão a policial, luta para impedir que algo pior aconteça, enquanto um outro, com bandeira brasileira, puxa o PM da confusão. Nestas horas, tanto o selvagem, quanto o pacifista de carater se sobressaem. Mas devemos dar valor ao pacifista:Alguns manifestantes tentam impedir agressão de outros a PM caído na Assembleia Legislaiva do Rio (Foto: Felipe Dana/AP) 


Terminando, com duas semanas de manifestaçôes, onde vimos vandalos destruindo, PMs feridos e manifestantes também, devemos mais uma vez atentar para o profissionalismo da Policia Militar Brasileira, perseguida por individuos sem carater de orgãos de direitos humanos, "Comessâo da Verdade", politicos cinicos que nunca enfrentaram uma multidão. E que mesmo assim, enfrentando multidôes jamais vistas em países do Oriente Médio - onde se produziu montanhas de cadaveres de manifestantes e policiais - conseguiu preservar o maior patrimônio: a vida dos manifestantes. Parabéns ao brasileiro de farda e aos manifestantes pacíficos deste país.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Hino de Resistência e PAZ pela Suiá Missu!!!

As armas estavam nas mãos de policiais brasileiros, mas a estratégia de desintrusão foi tomada nos salôes da ONU, palacios europeus de governo e Casa Branca por canalhas norte americanos, canadenses, ingleses (Principe Charles, dono da ong Survival international), sacerdotes católicos e protestantes do Conselho Mundial de Igrejas e indigenistas brasileiros sem carater