Mudamos a imagem do blog para homenagear este gesto histórico entre uma manifestante e um policial da Policia Militar.

O Judiciário (MPF), as ongs CIMI (Conselho Indigenista Missionário) e Survival International, o Conselho Mundial de Igrejas (CMI) e demais picaretas se uniram para praticarem a picaretagem indigenista. O povo do Vale do Araguaia e os guerreiros do Posto da Mata (Suiá Missu) se uniram para defenderem o Brasil. Um herói, vestido de maneira simples, e desarmado, avança contra vários soldados federais pesadamente armados. Seu heroísmo marcou a ação da picaretagem indigenista: um homem só, trabalhador, enfrentando o maior aparato militar já montado neste país pelos picaretas do judiciário, CIMI, CMI e Survival international. É por este motivo que seu ato é retratado no logo deste site: um homem, só, enfrentando a canalhice indigenista de norte americanos, brasileiros (indigenistas sem carater, vendidos à estratégia das grandes potencias), ingleses, noruegueses, alemâes, canadenses, italianos e etc. Um homem só enfrentando a canalhice deste mundo. Esta é a tônica deste site: um homem só enfrentando o mundo. Esta luta não é para muitos, é para os poucos que não foram contaminados pelo politicamente correto, que não tiveram seus valores relativizados pelo gramscismo que impera em toda a sociedade brasileira.

Vídeos Resistencia Suiá Missú

Loading...
Você se pergunta porque os povos do mundo estâo em guerra em busca de seus direitos. Povos, raças, grupos de todos os matizes, todos estâo lutando com unhas e dentes por seus direitos. Em 1964 um ministro norte americano, William Branham, chegou a uma conclusâo, na qual o Resistencia Suiá Missu concorda: as cartas em apocalipse (2-3) às Igrejas da Ásia eram proféticas e se referiam a períodos de tempo pelo qual a igreja passaria e segundo o ministro, a ultima carta, a de Laodicéia, representaria esta era moderna na qual vivemos. Até o nome se encaixa na luta dos povos por direitos: Laodicéia - Direito dos Povos. Quando vocês veem o povo nas ruas, manifestando-se, lembre-se - estamos vivendo a ultima era da igreja: Era de Laodiceia, que significa a Era dos Direitos dos Povos

Arquivo do blog

Resistencia Suiá Missú

domingo, 23 de dezembro de 2012

Pedro Casaldaliga recebe condecoração por trair trabalhadores rurais de Suiá Missu

17 de dezembro último Dilma Roussef condecorou Tomaz Balduíno, comunista líder da quadrilha conhecida por MST e Pedro Casaldáliga, conhecido defensor dos trabalhadores rurais do Vale do Araguaia. Balduíno foi condecorado pelo incessante trabalho em prol do comunismo e Casaldaliga por ter traído sua história, apoiando a maior operação militar da história deste país contra os trabalhadores rurais de Suiá Missu. A presidente Dilma jamais deixaria de condecorar tal ato. Na verdade Casaldaliga envergonhou todo o Vale do Araguaia com seu procedimento vergonhoso, abandonando aqueles que por decadas ele defendeu. E pior, abandonou na mão do maior aparato militar ja preparado na história deste país contra um grupo de pessoas. Nem a Guerrilha do Araguaia, na decada de 70, viu tamanho movimento de tropas, tudo para massacrar 7000 pequenos agricultores que um dia confiaram em Pedro Casaldáliga.

Parabéns Casaldáliga, voce conseguiu envergonhar toda a região do Araguaia. Jamais esqueceremos que voce abandonou aqueles que por decadas tu falsamente defendeu. Bastou o PT decidir massacrar estes trabalhadores e tu rapidamente fugiu para Brasilia, para que o povo desta região não veja seu rosto corado de vergonha, por trair seu próprio povo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Hino de Resistência e PAZ pela Suiá Missu!!!

As armas estavam nas mãos de policiais brasileiros, mas a estratégia de desintrusão foi tomada nos salôes da ONU, palacios europeus de governo e Casa Branca por canalhas norte americanos, canadenses, ingleses (Principe Charles, dono da ong Survival international), sacerdotes católicos e protestantes do Conselho Mundial de Igrejas e indigenistas brasileiros sem carater